Enfrentar as desigualdades para vencer a pobreza

A fome no Brasil é uma triste realidade

Série de reportagens feitas pela parceria da Oxfam Brasil com Agência Pública relevam o tamanho do problema

23/07/2019 Tempo de leitura: 2 minutos
 

Um problema do passado voltou: o Brasil pode voltar ao Mapa da Fome depois de 5 anos. É o que sugere a série de reportagens sobre o tema, fruto de uma parceria da Oxfam Brasil e da Agência Pública que em 2018 ofereceu microbolsas para a produção das 7 reportagens. Foram mais de 80 propostas recebidas, vindas de 15 estados diferentes. A ação surgiu da percepção sobre o aumento do número de pessoas em situação de extrema pobreza entre 2015 e 2017.

Ainda que o país esteja fora do Mapa da Fome desde 2014, a fome ainda é uma realidade e os dados são alarmantes. O último relatório da FAO (agência da ONU para agricultura e segurança alimentar) aponta que no Brasil, 2,5% da população passou fome em 2017. Isso corresponde a 5,2 milhões de pessoas.

Como mostramos em nosso relatório País Estagnado, pela primeira vez nos últimos 15 anos, a redução da desigualdade de renda parou no Brasil. Em 2016 o espaço dedicado aos gastos sociais no orçamento federal retrocedeu 17 anos.

Veja algumas das informações relevadas nas reportagens:

Notícias Relacionadas:
imagem do banner
Cadastre-se
Receba nossa newsletter